A carregar Espetáculos

Espetáculos

Música

ORQUESTRA ACADÉMICA METROPOLITANA ROBERT SCHUMANN E CAMILLE SAINT-SAËNS

DIA 26 JAN . DOMINGO . 17H00

A meio do livro Doutor Fausto, escrito por Thomas Mann na década de 1940, o personagem principal lembra a ocasião em que ouviu a terceira sinfonia de Robert Schumann.

Refere, a propósito, a opinião de um crítico que elogiou a sua “conceção do mundo abrangente” e realça a importância que teve o Romantismo para que “a Música [se emancipasse] da esfera dos especialistas provincianos e das bandas municipais, para pô-la em contato com o grande mundo do espírito […]”.

É sabido que o nome de Schumann se inscreve na tradição clássica centro-europeia, e que a erudição artística não se afirma hoje do mesmo modo. Mas é certo que a sua música irradia um instinto de liberdade e uma disposição poética verdadeiramente singulares, como bem o comprovam esta sinfonia de 1850, que muitos associam às paisagens e às gentes do rio Reno, e a Abertura Manfred, composta um ano antes para uma representação cénica do poema dramático homónimo de Lord Byron.

Ainda neste programa, António Rosado interpreta à frente da Orquestra Académica Metropolitana o mais conhecido dos cinco concertos para piano que Camille Saint-Saëns compôs ao longo da vida, uma partitura que também desperta imaginação e fantasia.

Detalhes

Data:
26 Janeiro
Hora:
17:00 - 17:10
Categoria de Espetáculo:

Outro

Barra lateral

BILHETES: Plateias 7€. Balcão 5€ , Bilheteira Online

SINOPSE: Orquestra Académica Metropolitana

PROGRAMA: Robert Schumann e Camille Saint-Saëns

Schumann Abertura Manfred, Op. 115
Saint-Saëns Concerto para Piano N.º 2, Op. 22
Schumann Sinfonia N.º 3, Op. 97, Renana

SOLISTA: António Rosado, piano

DIREÇÃO MUSICAL: Jean-Marc Burfin, com alunos do curso de direção de orquestra da ANSO.

©  . Fórum Municipal Luísa Todi . Todos os direitos reservados