Todos os Eventos

Ago 23 Qua
A Salto Alto
A Salto Alto @ Sala Principal

“A Salto Alto – Entre gentilezas e extermínios” conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a uma outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir outra realidade.

O espectáculo desenrola-se a partir dessa tensão entre, um ambiente formal e refinado e as personagens que carregam, na sua essência, a irreverência de quem tem que reinventar e voltar a dar significado à vida a cada instante.

O espectáculo profana a fábula romântica da Cinderela tendo como principal crítica o consumismo desenfreado da nossa sociedade.

Espetáculo para maiores de 6 anos, com a duração aproximada de 50 minutos, da Secção Oficial da XIX Festa do Teatro – Festival Internacional de Teatro de Setúbal.

Ago 25 Sex
Naveneva
Naveneva @ Sala Principal

Lá em baixo, na cave escura de três alquimistas reunidos em torno de um mapa, o destino decretou que o novo mundo seria o do mar: o mundo de Naveneva.

É assim que três companheiros de navio começam a sua misteriosa aventura entre tempestades, batalhas, fragmentos de histórias e um encontro imprevisível com criaturas inesperadas.

O trabalho coreográfico de “Naveneva” joga com as imagens do mar explorando os efeitos criativos e narrativos da composição, variando e alterando o significado de imagens, movimentos, palavras, sons e objetos.

“Naveneva”, da italiana Compagnia Naturalis Labor, é um convite para o incessante e alegre jogo de imagens como prática de liberdade.

Espetáculo para maiores de 6 anos, com a duração aproximada de 60 minutos, da Secção Oficial da XIX Festa do Teatro – Festival Internacional de Teatro de Setúbal.

Ago 27 Dom
Hamlet
Hamlet @ Sala Principal

Onde está Hamlet? Em que tempo e lugar habita o personagem Shakespeariano?
E acima de tudo, a ambição de poder. Uma ambição que move os personagens e aborda o confronto e a destruição.

Ser ou não ser. Existir ou não existir. Sempre a mesma cantilena. O medo de cair no vazio do nada ou do tumulto da eternidade.

Um microcosmos para nos mostrar o cosmos da humanidade. Tão pequeno e condensado como numa casca de noz. Um universo. Como os personagens do nosso Hamlet. Impossibilitados para escapar de um espaço, de um mundo onde continuam com o seu ser ou não ser.

“Hamlet”, da companhia espanhola Teatro Clasico de Servilla, foi galardoado com mais de duas dezenas de distinções, entre os quais o  Prémio MAX 2017 para Design de Espaço Cénico, três prémios ADE 2016 (Direcção, Cenografia e Iluminação), oito prémios Lorca 2016 e seis prémios Escenarios 2015-2016.

A peça teatral conquistou ainda o Prémio Melhor Espectáculo Feria Palma del Río 2016 e o Prémio Canal Sur Artes Escénicas 2015 (Alfonso Zurro).

Espetáculo para maiores de 12 anos, com a duração aproximada de 140 minutos, da Secção Oficial da XIX Festa do Teatro – Festival Internacional de Teatro de Setúbal.

Ago 28 Seg
O Baile dos Bombeiros
O Baile dos Bombeiros @ Sala Principal

Uma pequena cidade quase que para por causa da festa de aniversário do antigo comandante dos bombeiros locais.

A festa é de pompa e circunstância, com um programa extenso e elaborado. Só que quando chega a hora de celebrar, nada corre como previsto.

“Grandes Cómicos, Grandes Comédias” dá o mote à atual masterclass que o cineasta e crítico cinematográfico Lauro António traz ao Fórum Municipal Luísa Todi.

Mais de meia centena de obras estão em destaque ao longo do programa dinamizado durante o ano. Este é o quarto ciclo que Lauro António apresenta em Setúbal, depois de séries dedicadas aos clássicos americanos e italianos e, mais recentemente, às mais sensuais atrizes da história do cinema.

O conhecido crítico marca presença a cada sessão para apresentar ao público as obras em projeção.

Set 2 Sáb
Yuvisney Aguilar & Afrocuban Jazz Quartet
Yuvisney Aguilar & Afrocuban Jazz Quartet @ Sala Principal

O cartaz do festival Setúbal Salsa Experience apresenta, no Fórum Municipal Luísa Todi, o concerto da orquestra Yuvisney Aguilar & Afrocuban Jazz Quartet.

O grupo é formado por destacados músicos do mundo do Jazz, que se inspiram na riqueza dos antigos ritmos folclóricos africanos descendentes das culturas Yoruba, Arará, Iyesa e Bantú, bem como na Rumba e no Jazz.

O seu líder é o músico cubano Yuvisney Aguilar Rojas, percussionista, cantante e compositor.

Com seis anos começou a estudar os segredos da percussão afrocubana, tendo trabalhado com artistas como Paquito D’Rivera, Chuchito Valdés, Richard Bona, Chuck Loeb ou Giovanni Hidalgo.

A passagem deste quarteto por Setúbal é a oportunidade de se ver algo de muito genuíno e culturalmente poderoso, que surge do cruzamento entre a força dos tambores Batá, a percussão cubana e as harmonias do Jazz.

O festival Setúbal Salsa Experience, no qual se insere este espetáculo, decorre no concelho entre 31 de agosto e 3 de setembro.

Set 4 Seg
Mulheres à beira de um ataque de nervos
Mulheres à beira de um ataque de nervos @ Sala Principal

As histórias de três mulheres conduzem-nas à vertigem de um colapso nervoso. E Não é para menos.

Pepa vive obcecada pelo amante, Ivan, que a deixou com uma mensagem num atendedor de chamadas sem saber que ela está grávida.

Candela procura a ajuda da melhor amiga, Pepa, depois de descobrir que a nova paixão é também um perigoso terrorista.

Lucia saiu, finalmente, após vinte anos, de um asilo para doentes mentais. Lucia é também a ex-mulher do antigo amante de Pepa. E Lucia é ciumenta.

Nesta encruzilhada esgotante das histórias das três mulheres, junta-se, ainda, a de uma outra, a da noiva do filho do amante de Pepa, vítima de um gaspacho demasiado letal.

“Grandes Cómicos, Grandes Comédias” dá o mote à atual masterclass que o cineasta e crítico cinematográfico Lauro António traz ao Fórum Municipal Luísa Todi.

Mais de meia centena de obras estão em destaque ao longo do programa dinamizado durante o ano. Este é o quarto ciclo que Lauro António apresenta em Setúbal, depois de séries dedicadas aos clássicos americanos e italianos e, mais recentemente, às mais sensuais atrizes da história do cinema.

O conhecido crítico marca presença a cada sessão para apresentar ao público as obras em projeção.

Set 8 Sex
A Magia dos Musicais
A Magia dos Musicais @ Sala Principal

Na exploração de novos caminhos além dos tradicionais reportórios das bandas filarmónicas, propôs-se a Banda de Música da Sociedade Filarmónica Humanitária, sob a direção do maestro João Quítalo, preparar um grande concerto-espetáculo pensado e inspirado em alguns dos mais conhecidos musicais.

Nasce, assim, “A Magia dos Musicais”, a partir da adaptação de grandes produções como o “Fantasma da Ópera”, “Miss Saigão” e “Os Miseráveis”.

A este espetáculo junta-se também o Coro da Sociedade Filarmónica Humanitária, bem como coros do Conservatório Regional de Música de Palmela.

Um espetáculo a não perder, que marca a entrada na nova temporada artística.

Set 9 Sáb
Um Corpo Estranho
Um Corpo Estranho @ Sala Principal

Os Um Corpo Estranho são um projeto setubalense composto por João Mota e Pedro Franco.

Novo Talento Fnac 2013 e finalistas do Prémio José Afonso 2015, escrevem em conjunto música em português e bandas sonoras para curtas metragens ou peças de dança e teatro, como “A Almofada da Paula”, baseada na obra da Paula Rego.

Após dois EP, editaram o disco de estreia, “De Não Ter Tempo”, em 2014, que contou com a participação de Celina da Piedade e incluiu a versão de um tema de Madredeus, caucionada por Pedro Ayres Magalhães.

Em setembro de 2016 lançaram “Pulso”, disco que teve boa visibilidade junto dos meios de comunicação e do público, tendo mesmo sido considerado por alguma imprensa especializada como um dos melhores discos nacionais do ano (Santos da Casa – RUC, Certeza da Música, No Sólo Fado…).

Para este concerto especial, que assinala o aniversário da associação setubalense Experimentáculo, Um Corpo Estranho convidam vários amigos, também eles especiais.

“Música para acender cigarros e contemplar a madrugada”Blitz

“Uma portugalidade cantada por esses corpos estranhos que são Pedro Franco e João Mota, acompanhados por outros três músicos que se apoderam dos instrumentos para resultar tudo numa simbiose perfeita entre eles e a sua lírica quase poética.”Espalha Factos

“Um Corpo Estranho são reflexo de vícios e virtudes da existência portuguesa mas, sobretudo, daquilo que se julga consistir o ‘ser português’, com a inspiração que resgatam aos lirismos de referência, das várias épocas de prestígio e de queda.”Tracker Magazine

Set 10 Dom
Hino de Setúbal
Hino de Setúbal @ Sala Principal

Gala de apresentação do Hino de Setúbal.

A composição, eleita através de concurso, representa, conjuntamente com a bandeira, um dos maiores símbolos concelhios de Setúbal.

A obra agora apresentada substitui o hino de 1898 – representativo, até 1926, do Concelho de Setúbal, o qual incluía o território de Palmela.

O novo Hino de Setúbal é interpretado por Artur Jordão, João Mendonza, Marcos Santos, Maria Cordeiro, Susana Jordão, pelo Coro Setúbal Voz, dirigido pela maestrina Gisela Sequeira, e por orquestra conduzida pelo maestro Jorge Salgueiro.

Set 11 Seg
A Quimera do Ouro
A Quimera do Ouro @ Sala Principal

Charlot, o vagabundo mais amado da história do cinema, quer mudar de vida. Para isso, lança-se na corrida ao ouro por entre as impiedosas terras do Alaska.

Além do frio e de todas as outras dificuldades que a Natureza lhe coloca no caminho, Charlot tem ainda que enfrentar todos os outros que tiveram ideia igual à sua.

Entre tropelias, dificuldades, fugas e lutas, sem esquecer a fome que o leva a comer umas botas “deliciosas”, Charlot encontra ainda tempo para o amor.

“Grandes Cómicos, Grandes Comédias” dá o mote à atual masterclass que o cineasta e crítico cinematográfico Lauro António traz ao Fórum Municipal Luísa Todi.

Mais de meia centena de obras estão em destaque ao longo do programa dinamizado durante o ano. Este é o quarto ciclo que Lauro António apresenta em Setúbal, depois de séries dedicadas aos clássicos americanos e italianos e, mais recentemente, às mais sensuais atrizes da história do cinema.

O conhecido crítico marca presença a cada sessão para apresentar ao público as obras em projeção.